• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - COLUNA DO SILVEIRA 1382

COLUNA DO SILVEIRA 1382

““O Senhor é meu Mestre, meu Guia e minha Fortaleza! Não existiria sem Ele e sua Misericórdia. Aliás, não seria mesmo ninguém sem Ele. A Ele devo tudo e tudo devo! Glórias e Louvores a ti, Senhor!”. Clélio Silveira Filho

 

Olá, bom dia com ou sem chuva! Pois se tem algo que não está faltando nos estados do Maranhão, Pará e Piauí, só para ficar na região, é chuva. E como tem chovido até onde não é comum chover. Tem nada não. Tudo que vem do céu, não sendo avião, nave espacial ou foguete caindo,  é bom. Daqui de baixo é que de quando em vez sobe cada alma!! Que Deus as tenha. Bem, vamos seguir adiante que é para o horizonte é que devemos olhar sempre. Esta é a edição impressa, online e em PDF do seu Jornal AGORA Santa Inês, edição esta de número 1382, que circula nesta quarta-feira, dia 6 de fevereiro de 2019. Rogo a Deus que tenhamos todos nós um bom dia e que Suas bênçãos nos alcancem onde estivermos. Amém!

 

BRUMADINHO UMA TRAGÉDIA SEM IGUAL

No 12º dia de buscas da tragédia de Brumadinho, ontem, terça-feira, o número de mortes confirmadas subiu para 142, com 122 corpos identificados. Agora, segundo os Bombeiros, são 194 desaparecidos.

O 12º dia de buscas começou por volta das 6h50. Os primeiros corpos ou restos mortais resgatados na lama chegaram ao campo usado como centro de operações do Corpo de Bombeiros por volta das 9h45, no Córrego do Feijão, em Brumadinho, na Grande BH. E assim foi durante todo o dia. Como já encontraram 142 corpos e há 194 pessoas desaparecidas, chega-se a triste conclusão que cerca de 330 pessoas perderam a vida na tragédia. Não dá para fazer de conta que foi só um acontecimento sem maiores consequências. Triste cena! É não se trata de um pesadelo, ou algo de ficção. Mas, de uma realidade brutal!

 

FLÁVIO DINO EM BRASÍLIA

O governador Flávio Dino esteve, na noite de ontem, terça-feira (5), no gabinete do senador Weverton Rocha, em Brasília, para discutir pautas de interesse do Maranhão. A visita foi acompanhada pelo deputado federal Márcio Jerry. Durante a agenda em Brasília, Flávio Dino também terá reunião com o ministro da Cidadania, Osmar Terra, e participará da reunião de governadores do Nordeste. Os dois eventos ocorrem nesta quarta-feira (6).

 

FLÁVIO NA BAHIA

Na quinta-feira (7), o governador participará de debates promovidos na 11ª Bienal da União Nacional dos Estudantes (UNE), em Salvador, na Bahia. O evento reunirá estudantes de todo o país e este ano tem como foco o caráter de resistência cultural e política, tanto da entidade quanto da própria Bienal.

 

COMEÇANDO OS TRABALHOS

O renomado advogado Marcos Vinícius já está no “batente” na Assembleia Estadual, como principal assessor da deputada estadual Andreia Rezende, iniciando assim os trabalhos legislativos. Vinícius é um conhecedor profundo dos caminhos da Assembleia Legislativa, vez que sua irmã, a atual prefeita de Santa Inês Vianey Bringel, já foi deputada estadual, e o profissional advogado estava sempre por perto prestando-lhe assessoria.

QUE DECEPÇÃO!

Declarações do ministro da Educação causam polêmica e provocam reações no Congresso e na sociedade em geral. Parlamentares querem que ele vá ao Congresso para se explicar. Entre outros assuntos, Rodríguez disse que a universidade não é para todos e defendeu incluir a disciplina educação moral e cívica no currículo do ensino fundamental – para os estudantes aprenderem o que é ser brasileiro e quais são “os nossos heróis”. Na edição do último fim de semana, a revista “Veja” publicou entrevista concedida pelo ministro.  Rodríguez afirmou que, viajando, o brasileiro é um “canibal”. “Rouba coisas dos hotéis, rouba o assento salva-vidas do avião; ele acha que sai de casa e pode carregar tudo. Esse é o tipo de coisa que tem de ser revertido na escola”, disse o ministro. Na entrevista, Rodríguez também repetiu que a universidade não é para todos, que representa uma elite intelectual, “para a qual nem todo mundo está preparado ou para a qual nem todo mundo tem disposição ou capacidade”. Sobre a liberdade de ensino, disse que liberdade não é fazer o que se deseja. “Liberdade é agir, fazer escolhas dentro dos limites da lei e da moralidade. Fazer o que dá vontade não é ser livre. Isso é libertinagem. No Brasil, por força de ciclos autoritários, temos uma visão enviesada da liberdade. Liberdade não é o que pregava Cazuza, que dizia que liberdade é passar a mão no guarda. Não! Isso é desrespeito à autoridade, vai para o xilindró”, afirmou. (Jornal Nacional)

 

ANIVERSÁRIO

Aniversariou ontem (05)  a jovem Amanda, filha da minha querida amiga (de minha filha Raquel) Verinha. A aniversariante recebeu os parabéns dos familiares e amigos. Fica aqui o registro para a posteridade. Verinha é servidora pública e uma das principais frequentadoras das missas na Paróquia de Santa Inês.

 

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Coluna-do-Silveira

Data: 06/02/2019

Visitas: 92

Palavras-chave: COLUNA DO SILVEIRA 1382

Fonte:

Big Systems
4232574 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 17 do mês 02 de 2019