• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - POR CRIME CRUEL TRÊS HOMENS ACUSADOS DE HOMICÍDIO EM SANTA INÊS FORAM CONDENADOS  EM JÚRI POPULAR

POR CRIME CRUEL TRÊS HOMENS ACUSADOS DE HOMICÍDIO EM SANTA INÊS FORAM CONDENADOS EM JÚRI POPULAR

Além de aplicarem diversos golpes de facão, réus decapitaram a vítima

O Tribunal do Júri da Comarca de Santa Inês condenou, em 10 de abril, Jhonatan dos Santos Reis, conhecido como “Magrão”; Luís Henrique Rocha Mendes, apelidado de “Preguinho”; e Werley Nogueira Leal, também chamado de “Sula”, às respectivas penas de reclusão de 18 anos e 2 meses; 18 anos; e 20 anos, 7 meses e 15 dias, em regime inicial fechado, pelo assassinato de Denilson Cassiano Matos. O crime foi cometido em 9 de junho de 2017.

Além de ter recebido diversos golpes de facão, a vítima foi decapitada e enterrada, como forma de tentativa de ocultação de cadáver.

Quatro adolescentes também participaram do assassinato e atualmente cumprem medida socioeducativa de internação, conforme estabelece o Estatuto da Criança e do Adolescente.

O Ministério Público do Maranhão denunciou os réus pela prática de homicídio qualificado (motivo torpe, meio cruel e mediante dissimulação que impossibilitou a defesa da vítima). Também como agravante, a Denúncia ministerial considerou que houve ocultação de cadáver e corrupção de menores.

Representou o MPMA, na sessão, o promotor de justiça José Artur Del Toso Júnior. Proferiu a sentença a juíza Denise Pedrosa Torres.

MOTIVO TORPE

O crime teria sido motivado por uma cobrança feita por Denilson Cassiano Matos a um dos adolescentes envolvidos. A vítima exigiu o pagamento de uma dívida por compra de drogas. No momento da cobrança, Denilson Matos desferiu socos em dois adolescentes e ainda ameaçou os jovens de morte.

Em seguida, os dois adolescentes na companhia de Luís Henrique Mendes - que também já teria sido agredido por Denilson - planejaram o assassinato e chamaram outras pessoas para participarem do crime, integrantes de uma facção criminosa rival à da vítima. Luís Henrique iniciou as agressões, desferindo uma paulada em Denilson. Em seguida, todos desferiram golpes de facão, culminando na decapitação e no enterro do corpo em uma cova rasa.

(Redação: CCOM-MPMA)

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Policia

Data: 13/04/2019

Visitas: 416

Palavras-chave: POR CRIME CRUEL TRÊS HOMENS ACUSADOS DE HOMICÍDIO EM SANTA INÊS FORAM CONDENADOS EM JÚRI POPULAR

Fonte: Redação: CCOM-MPMA

Big Systems
4602987 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 17 do mês 06 de 2019