• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - COLUNA ESTADO DE ALERTA 1422

COLUNA ESTADO DE ALERTA 1422

AH NÃO! BOM JARDIM, DE NOVO!!!

O Ministério Público do Maranhão (MPMA) ofereceu, em 1 º de julho, Denúncia contra seis envolvidos em uma fraude em empréstimos de um programa de crédito rural do Banco do Nordeste, o Agroamigo – intermediado pela Secretaria de Agricultura de Bom Jardim. O grupo era liderado pelo vereador e pelo ex-presidente do sindicato de trabalhadores rurais do município, Antônio Gomes da Silva (mais conhecido como Antônio Cesarino).

MAIS GENTE

Na manifestação, também são denunciados o diretor agrícola do sindicato, Francinaldo da Silva; o técnico agrícola Jamilson Pereira Sousa (conhecido como Jamilson Ferro); os sócios-proprietários da empresa Projetos Agropecuários e Georeferenciamento (Progeo), Marcelo Nascimento e Alexandre Silva Santos, e o representante da referida empresa, Romário Moraes de Oliveira.

COMO ASSIM?

Foi apurado que Antônio Cesarino juntou-se aos outros réus para passar por pessoas que facilitariam os empréstimos do programa a produtores rurais. Para tal, foi aberta a empresa M do Nascimento Engenharia, com o nome fantasia de Progeo.

ELE ERA O CARA!

Cesarino prometia aos trabalhadores facilitar o acesso a valores de R$ 5 a 15 mil. Para obter os empréstimos, trabalhador rural deveria pagar, além das taxas de filiação, R$ 25 para obter a carteira do sindicato. Cem trabalhadores rurais, em sete povoados de Bom Jardim foram vítimas do grupo. Somente em um povoado o grupo fez 26 vítimas, que pagaram aos denunciados aproximadamente R$ 6 mil.

FALA PROMOTOR!

“Apesar de Antonio Cesarino ser o último a se juntar ao grupo, ele logo assumiu a liderança do grupo porque já tinha grande contato com a população rural, por ser presidente do sindicato”, afirma o promotor. Cesarino também “facilitava” o acesso a diversos benefícios rurais como aposentadoria rural e salário maternidade, o que o faz responder a vários inquéritos policiais na delegacia local.

VÍTIMA DO DESESPERO

Um empresário do setor de cerâmica se matou com tiro na cabeça na frente do governador de Sergipe, Belivaldo Chagas, e do Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, durante abertura de um seminário sobre o mercado de gás que aconteceria em Aracaju a partir de quinta-feira, 4. Segundo relatos de pessoas que presenciaram o suicídio, o empresário Sadi Gitz se levantou após a fala do governador, ameaçou dizer algumas palavras e se matou. Fontes do governo estadual contaram que o empresário era dono de uma fábrica de cerâmica que havia entrado em hibernação, por causa do alto preço do gás. Com isso, ele teria falido.

FRAUDARAM A RECEITA?

A Receita Federal deflagrou, ontem, sexta-feira 5, a Operação Fake News, contra fraudes envolvendo compensações declaradas em Guia de Recolhimento do FGTS e Informações a Previdência Social (GFIP) em prefeituras, secretarias e fundos vinculados de 27 cidades do Maranhão, Ceará e Piauí. O Fisco não informou quais municípios estão sendo investigados, apenas que são dois municípios do Maranhão, outros dois do Ceará e 19 do Piauí.

IMPERATRIZ NO BOLO

De acordo com diligências prévias de auditores fiscais de Imperatriz (MA), Fortaleza (CE), Teresina (PI) e Esperantina (PI), as fraudes nesses três estados, apenas no período de 2017 a 2018, alcançaram a cifra de R$ 80 milhões.

FUJÕES MARANHENSES

A comissão especial da Câmara dos Deputados aprovou, na quinta-feira 4, o texto-base da reforma da Previdência Social, por 36 a 13. O colegiado é formado por 49 membros, sendo que os dois maranhenses integrantes, Cléber Verde (PRB-MA) e João Marcelo Souza (MDB-MA), não participaram na votação, sendo substituídos pelos seus respectivos suplentes.

SEMANA QUE VEM A COBRA VAI FUMAR

Com a conclusão da votação na comissão, inclusive dos destaques – pedidos de partidos e deputados para que uma parte específica da proposta seja analisada separadamente – a matéria seguirá para apreciação do plenário da Câmara. A data prevista para o início das discussões, segundo afirmou o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), é a próxima terça-feira.

AHA UHU O FACHIN É NOSSO!

Mensagens obtidas pelo site The Intercept Brasil e divulgadas nesta sexta-feira (5) pela revista Veja relevam o entusiasmo do procurador Deltan Dallagnol, chefe da Lava Jato em Curitiba, após encontro com o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal. De acordo com a revista, em 13 de julho de 2015, Deltan deixou uma reunião com Fachin e logo comentou o resultado da conversa com os demais procuradores da força-tarefa, por meio do aplicativo Telegram. “Caros, conversei 45 m com o Fachin. Aha uhu o Fachin é nosso.”

 

CHUMBO QUENTE


Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: A-Cidade

Data: 06/07/2019

Visitas: 90

Palavras-chave: COLUNA ESTADO DE ALERTA 1422

Fonte: Da Editoria de Política do AGORA

Big Systems
5162105 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 20 do mês 10 de 2019