• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - COLUNA DO SILVEIRA 1438

COLUNA DO SILVEIRA 1438

“Se tua Fé não te leva a lugar algum, ela é menor do que um grão de areia, e é preciso que ela alcance pelo menos, o tamanho de uma semente de mostarda, ou não irás a lugar algum. Fé robusta, nos mantém de pé”.          Clélio Silveira Filho.

olá, bom dia! Fim de papo! Fim de mês, último dia do mês de agosto e a gente não abre mão de nossa missão. Pense como Deus age para a gente circular sem interrupção há quase 18 anos! Quem diria que iríamos tão longe! Só mesmo com muito trabalho, dedicação, seriedade, credibilidade, vocação e Deus no comando. É assim que a gente segue firmes e fortes, igual uma rocha. Hoje colocamos no mercado a versão impressa, online e PDF de número 1438 do Jornal AGORA Santa Inês. Mesmo com as “ameaças” das mídias online paralelas às que já usamos, com certeza temos mais visualizações, milhares à frente, do que qualquer outra “mídia social”  da cidade ou da região. Nosso site computa entre 7 a 10 mil acessos dia, e a versão em PDF passa de 3 mil Whatsapps  no Maranhão e em vários estados por edição. Isso sem falar na versão impressa que conta com centenas de assinantes na cidade e dezenas de anunciantes. Cenário mais animador, não poderia ter. Então fica aqui o recado: anuncie aqui que seu anúncio vai longe, muito longe e com credibilidade. Obrigado aos nossos assinantes e anunciantes que nos mantém de pé. Bancam este jornal e avalizam nossos projetos. Para fechar este primeiro parágrafo, rogamos a Deus que nos abençoe, a todos, hoje e sempre! Amém!

UM REAL A MENOS

A proposta do governo de Jair Bolsonaro para o Orçamento de 2020 apresentada ontem, sexta-feira, 30, pelo Ministério da Economia e enviada ao Congresso Nacional, prevê salário mínimo de 1.039 reais para o próximo ano – abaixo da previsão anterior, de abril, de 1.040 reais. Hoje, o mínimo está em 998 reais.

ACIMA DE MIL

A correção do salário mínimo prevista no Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) considera apenas a inflação. Mesmo assim, caso o valor seja aprovado, será a primeira vez que o mínimo ultrapassará o patamar dos 1.000 reais. Até janeiro deste ano, vigorava a regra que leva em conta o resultado do Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma dos bens e dos serviços finais produzidos no país, de dois anos antes mais a inflação do ano anterior, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

ATRELADO A REFORMA

Essa medida permitia que, nos momentos de crescimento da economia, o ganho do salário mínimo superasse a inflação, ajudando a reduzir as desigualdades e estimulando o consumo das famílias. Quando tinha recessão, como em 2015 e 2016, não houve aumento real. O ministro da Economia, Paulo Guedes, já disse que um novo ganho real só deve ocorrer caso as reformas propostas pelo governo sejam aprovadas que, na visão dele, devem regularizar as contas públicas. (Com Estadão Conteúdo E VEJA Online)

UM BI E 200 MI

O Maranhão poderá receber R$ 1.190.983.605,54 dos recursos do megaleilão do pré-sal de petróleo que o Governo Federal, fará na área do pré-sal de Santos (SP) pelo regime de cessão onerosa, com base numa plataforma sobre a previsão de repasses lançada pelo senador Cid Gomes (PDT-CE), relator da proposta no Senado. De acordo com os dados, serão R$ 731.516.397,97 apenas para o governo estadual, sob a gestão de Flávio Dino (PCdoB); e o restante vai para os cofres das prefeituras maranhenses, exatos R$ 459.467.207,57.

OS MAIS AQUINHOADOS

Administrada pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), São Luís deverá levar a maior fatia, exatos R$ 58.487.332,44. São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Caxias, Timon e Imperatriz poderão ganhar, cada um, R$ 10.492.368,40. (Atual 7)

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Coluna-do-Silveira

Data: 31/08/2019

Visitas: 158

Palavras-chave: COLUNA DO SILVEIRA 1438

Fonte:

Big Systems
4975079 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 20 do mês 09 de 2019