• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - Meninos se vacinam menos contra o HPV

Meninos se vacinam menos contra o HPV

A medida mais eficaz para prevenção contra o HPV é a vacina. Ela é distribuída gratuitamente pelo SUS.

Por G1 — São Paulo

Meninos se vacinam menos contra o HPV

Um assunto sério, mas que nem todo mundo dá importância: a vacina contra o HPV. O HPV (papilomavírus humano) é responsável por 99% dos casos de câncer de colo de útero, o terceiro mais frequente entre as mulheres no Brasil.

São mais de 100 tipos de vírus. Treze são considerados de alto risco e podem causar câncer de ânus, vulva, vagina e de pênis.

A medida mais eficaz para prevenção contra o HPV é a vacina. Ela é distribuída gratuitamente pelo SUS e é indicada para meninas de 9 a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos. Entretanto, só um em cada cinco meninos tomou a vacina contra o HPV.

Outra forma de prevenção é a camisinha. Ela diminui em 80% a transmissão do HPV.

Transmissão

O HPV é altamente contagioso e é transmitido, principalmente, durante a relação sexual sem proteção. O contágio também pode ocorrer através do contato oral-genital, genital-genital ou menos manual-genital.

Sintomas

A infecção não apresenta sintomas na maioria das pessoas. As manifestações da infecção pelo HPV costumam ser mais comuns em gestantes e em pessoas com imunidade baixa.

Pode acometer vulva, vagina, colo do útero, região perianal, ânus, pênis (geralmente na glande), bolsa escrotal e/ou região pubiana. Menos frequentemente, pode estar presente em áreas extragenitais, como conjuntivas, mucosa nasal, oral e laríngea.

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Entretenimento

Data: 30/11/2019

Visitas: 60

Palavras-chave: Meninos se vacinam menos contra o HPV

Fonte: Por G1 — São Paulo

Big Systems
5545415 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 13 do mês 12 de 2019