• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - COLUNA DO SILVEIRA 1473

COLUNA DO SILVEIRA 1473

“Vivendo um dia após o outro, aprendemos na Fé, que Deus nos ama verdadeiramente, mesmo com os pecados que carregamos sobre nós. Se Ele não perdoa os pecados, perdoa o pecador. Isso nos basta”. Clélio Silveira Filho. 

 

Olá, bom dia! Já passamos da metade de janeiro e a correia só aumenta. Hoje, 17 de janeiro de 2020, uma sexta-feira, aqui estamos nós trabalhando duro para não deixar faltar nas mãos e olhos de nossos milhares de leitores, mais uma edição impressa, online e eletrônica (em PDF) do seu Jornal AGORA Santa Inês. Esta é a edição 1473. Rogamos a Deus que Ele nos permita viver um feliz dia, no qual todos os problemas que por desventura estejam nos incomodando, possam ser vencidos sem muitas, ou nenhuma sequela. Queremos e vivemos na paz de Deus! Apesar dos pesares, somos todos civilizados e vivemos em sociedade. Temos, portanto, que sermos sociáveis ao máximo, e não ao mínimo. Pois bem, nós aqui em Santa Inês estamos vivendo uma semana festiva que antecede outra que terá pelo menos mais ou menos dois dias mais festivos ainda, a segunda e a terça-feira, feriado aqui, dia da Padroeira, Santa Inês. Ademais, além do festejo, está em pauta e despertando grande interesse dos católicos, a reforma da Matriz de Santa Inês, que já está em andamento, e não deu nem para esperar o encerramento do festejo dia 21, repito, próxima terça-feira. São muitos os questionamentos quanto a propagada reforma. É, e tem razão de assim ser, afinal, depois de décadas a Paróquia forma uma grande comissão  que está trabalhando a todo vapor para colocar em ação a reforma anunciada. Eu como membro da comissão, garanto a vocês que sossego é o que a gente não tem tido, não. Mas acredito que todo esforço será compensado com o resultado da reforma. Espero e confio que Deus, esteja abençoando a todos nós que fazemos parte desse projeto, e rogo que suas bênçãos alcancem não só nós da comissão, ou setores da obra, mas todos que hoje e sempre, assim como nós, necessitamos das suas bênçãos. Amém!

VAMOS NA FÉ

Alguém tem dúvida do que devemos fazer todos os dias para vencermos as batalhas? Eu respondo: temos que ter Fé coragem e determinação para vencer. Sãos estes os  remédios  que devemos tomar todos os dias. É que diante da tantas coisas que estão acontecendo, precisamos nos ancorar em um porto seguro. E porto seguro, mesmo, só vamos encontrar com foco na Fé de que Deus está conosco, e por isso, não devemos desanimar, mas sim, nos firmarmos nesse rochedo que Ele nos enviou, que é Jesus.

 

DEDO APONTADO

Alguém aí pode até dizer: Ah, olha só quem está falando! Pois é, ai de mim, de nós, se não fosse Esse Deus plural que nos socorre a todo momento! As tormentas podem até vir, mas não nos jogarão por terra. Elas são da vida. Sinal de que estamos vivos. A diferença está na forma de como vamos encará-las. Com lamúrias, apontando o dedo em riste para Deus?

 

CLARO QUE NÃO!

Não. Mas clamando por Ele, por Sua misericórdia, e na certeza de que Ele não é o causador das mazelas que nos atingem. Muito pelo contrário, é Dele que virá sempre o nosso socorro. É que o ser humano.... é humano. Simples assim. Cheio de defeitos. Problemático, às vezes cego, às vezes surdo, às vezes distraído, ou mesmo, às vezes fazendo propositadamente o que não deveria fazer nem por brincadeira.

 

ATIRE A PRIMEIRA PEDRA

Quem nunca pecou, que atire a primeira pedra! Essa “máxima” de Jesus Cristo, que conhecemos desde que nos tornamos religiosos, serve para justificar algum pecado cometido por nós, mas não deve ser um “jargão” em nossas vidas, a ser repetido a toda hora, todo dia. Talvez não seja eu, alguém com essa “bagagem” toda, para tentar mudar alguma coisa na vida de quem está lendo esta coluna, ouve meu CD, lê minhas reflexões espirituais ou me ouve cantar aqui e acolá em uma missa, etc.

 

DEUS SEJA LOUVADO!

Entretanto, diante de tantos fatos tristes que vem acontecendo, e que de uma forma ou de outra gravitam em torno de nós, como jornalista ou apenas como ser  humano, me disponho a escrever o que me dita o coração no atual momento, amanhã, ou depois.  Mas reafirmo: é a Fé em Deus que me permite caminhar firme e reto, na certeza de que se algo me faz mal, a minha Fé e convicção em Deus me faz muito bem. E como faz! Deus Seja Louvado....sempre!! Bom final de semana!

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Coluna-do-Silveira

Data: 17/01/2020

Visitas: 222

Palavras-chave: COLUNA DO SILVEIRA 1473

Fonte:

Big Systems
5896506 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 25 do mês 02 de 2020