• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - Deputados ouvem dirigentes da Equatorial Energia sobre morte de idosa em Imperatriz que teve energia desligada

Deputados ouvem dirigentes da Equatorial Energia sobre morte de idosa em Imperatriz que teve energia desligada

A Comissão de Assuntos Municipais e Desenvolvimento Regional da Assembleia Legislativa ouviu explicações de dirigentes da Equatorial Energia (ex-Cemar), na quarta-feira (5), sobre o episódio da morte de uma idosa de 92 anos, em Imperatriz, após ela não poder realizar o procedimento de inalação, em virtude do fornecimento de energia elétrica de sua casa ter sido interrompido pela companhia energética.

A idosa, que estava doente e fazia tratamento por inalação em casa, faleceu na terça-feira (4), causando grande comoção popular. O corte da energia elétrica de sua casa foi motivado por falta de pagamento da conta. O pedido para ouvir os dirigentes foi feito pelo presidente da Comissão, deputado Dr. Yglésio. Participaram da reunião os deputados Vinícius Louro (PL), Professor Marco Aurélio (PCdoB), Carlos Florêncio (PCdoB) e Hélio Soares (PL).

Yglésio lembrou que um parente da idosa divulgou um vídeo comovente nas redes sociais onde apelava para que o funcionário não cortasse a energia da residência. No vídeo, o rapaz enfatiza que a idosa precisava de cuidados médicos e que a conta seria paga no dia seguinte. No entanto, as explicações foram em vão. Da reunião, participaram o diretor de relações institucionais da Equatorial Energia, José Jorge Soares, e o diretor de Comunicação de Marketing, Luís Carlos Cardoso, aos quais o deputado Vinícius Louro relatou casos em que a empresa cortou energia de hospitais públicos, mesmo havendo uma lei que proíbe.

Marco Aurélio, que também é de Imperatriz, considerou que o episódio extrapolou o bom senso, uma vez que a energia, naquele caso específico, era indispensável para a sobrevivência da moradora.

Carlinhos Florêncio e Hélio Soares lamentaram a morte e disserem que o caso deve servir de exemplo. Sugeriram à Equatorial Energia que invista na reciclagem de recursos humanos.

O diretor da empresa, José Jorge Leite Soares, agradeceu o convite e lamentou o corrido. Ele garantiu que o caso está sendo investigado e que também ficou “estarrecido”, prometendo ficar à disposição da Assembleia. Aos diretores, o deputado Dr. Yglésio informou que pedirá urgência na apreciação de um projeto dele que determina o uso, pela empresa, de máquinas de pagamento nas sextas-feiras. 

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Regional

Data: 08/02/2020

Visitas: 155

Palavras-chave: Deputados ouvem dirigentes da Equatorial Energia sobre morte de idosa em Imperatriz que teve energia desligada

Fonte:

Big Systems
7396743 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 24 do mês 09 de 2020