• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - COLUNA ESTADO DE ALERTA 1479

COLUNA ESTADO DE ALERTA 1479

O ASFALTO “É NOSSO” 

Claro que o asfalto é do povo. Direito do povo. E o que não deixa de aparecer por aqui é asfalto. Mas o que está aparecendo muito também, é “pai” do asfalto; ou seja: gente se enganando dizendo que foi “fulano” que mandou colocar o asfalto aqui e acolá. Pois estão redondamente enganados, ou sendo enganados quem acredita nisso.

 

DE ONDE VEM?

A verdade é que o asfalto que está sendo colocado, ou foi colocado na administração de Vianey Bringel, tem origem nos recursos do próprio município e em emendas do deputado federal Juscelino Filho. Isso mesmo; deputado que mandou emenda para asfaltar ruas de Santa Inês chama-se Juscelino Filho. Nenhum outro, muito menos estadual.

 

TEM MAIS

E  vem mais asfalto por aí! Desta vez a emenda parlamentar é do senador Roberto Rocha. Ainda não chegou, mas, vai chegar: 7 milhões de reais. É isso. E é nisso que dá não ler o Jornal AGORA. Aqui quando a gente escreve ou é, ou foi, ou será. Então estamos esclarecidos; nenhum deputado estadual mandou emenda (faz-me-rir) para asfaltar ruas de Santa Inês. Ponto!  

 

UMA BANANA

Bolsonaro dá ‘banana’ para jornalistas e reclama da imprensa. Grande novidade! Mas não custa lembrar o episódio.  O presidente Jair Bolsonaro voltou a atacar a imprensa (grande novidade de novo!). Foi no sábado, 8, antes seguir para um evento evangélico no estádio Mané Garrincha, em Brasília, ele conversou com jornalistas na porta do Palácio do Alvorada. Em um determinado momento, ele cruzou os braços, fazendo o sinal de uma “banana” aos repórteres que o aguardavam do lado de fora. Em seguida, avisou que não daria entrevista. No local, também havia apoiadores do presidente. Que por sua vez também “engoliram” a banana.

 

DUAS BANANAS

A principal queixa de Bolsonaro envolveu a repercussão negativa de declaração feita por ele sobre portadores do vírus da Aids. Na quarta-feira 5, ao defender o programa de prevenção à gravidez na adolescência, da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, o presidente afirmou que uma pessoa com HIV representa “uma despesa para todos no Brasil”. E prosseguiu: “Eu quero conversar com vocês. Ser amigos de vocês. Mas não dá”, disse. “Eu vou dar uma banana pra vocês”. E deu.

 

“PARASITAS”  PALAVRA DA MODA

Depois de ter comparado servidores públicos a “parasitas” na última sexta-feira (07) e da repercussão no fim de semana, que envolveu de setores do governo e da oposição a entidade representativa da Polícia Federal, o ministro da Economia, Paulo Guedes, usou o WhatsApp, na segunda-feira (10), para enviar mensagens se retratando a jornalistas, amigos e familiares.

 

A CULPA É DA IMPRENSA

Apesar de se desculpar, o ministro fez questão de destacar que sua declaração foi retirada de contexto e que ele se expressou mal. Segundo o site BR Político, Guedes afirmou que se referiu a servidores ‘parasitas’ de “estados e municípios em casos extremos. Quando toda a receita vai para salários e nada para saúde, educação e segurança”. Por um infeliz coincidência dessas, o filme que ganhou o Oscar 2020 no domingo foi...foi....foi... “Os Parasitas”. Rsss! Kkkk! Só rindo mesmo. É muita “doidiça”, como se diz por aqui.

CHUMBO QUENTE

Começa a esquentar o clima político em Santa Inês. Isso é “vero”./// Levando-se em consideração a movimentação de bastidores apurada pela Editoria Política do Jornal AGORA Santa Inês./// Aumentou de intensidade desde a semana passada, o clima político em Santa Inês, com vistas a eleição de outubro vindouro, muito e principalmente no que diz respeito ao cargo majoritário a ser disputado este ano, que é  o de prefeito(a). //// Com o lançamento da pré-candidatura à prefeita da vereadora Creusa, e outras pré-candidaturas tais como a do bancário e político Lindenberg Braga, do ex-prefeito Valdevino  Cabral, da possível candidatura à reeleição da prefeita Vianey Bringel,  outras devem aparecer ainda nos próximos dias.//// Por outro lado (sempre tem mais lados na política, e como tem!) segundo orientações do Ministério Público Eleitoral, políticos com ou sem mandato que estão fazendo uso de outdoors e outras formas de propaganda, a pretexto de estarem divulgando seus feitos, já estão na lista dos prováveis inelegíveis. /// E no mínimo terão que enfrentar a Justiça Eleitoral, com ações e multas./// Verdade!! Tem muita “cara” enfeitando outdoor e outros que tais por aí./// E por hoje é só. Fomos!!!!

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Politica

Data: 12/02/2020

Visitas: 233

Palavras-chave: COLUNA ESTADO DE ALERTA 1479

Fonte: Da Editoria de Política

Big Systems
6410360 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 25 do mês 05 de 2020