• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - Ribamar Alves permanece prefeito pelo menos  até esta segunda (15) quando Dino deve assumir o omando do município

Ribamar Alves permanece prefeito pelo menos até esta segunda (15) quando Dino deve assumir o omando do município

Pelo menos até esta segunda-feira (15/02), o prefeito de Santa Inês, Ribamar Alves, preso no último dia 29/01 por envolvimento em um caso de estupro contra uma jovem de 18 anos, permanece como gestor do município. A confirmação se deu após conversas entre os vereadores da Câmara de Santa Inês, que decidiram esperar o prazo máximo determinado pela Constituição para então empossarem o vice-prefeito Ednaldo Alves Lima (o Dino) no cargo.A Câmara de Vereadores inicia a legislatura 2016, com sessão ordinária no dia limite para início dos trabalhos. Na ocasião, a pauta principal, sem dúvida, será o processo de cassação ou aceitação do pedido de afastamento do prefeito Ribamar Alves. O encontro deverá acontecer na manhã de segunda-feira (15) e tem tudo para ser a sessão mais ‘quente’ dos últimos anos, haja vista a pauta ser um caso inédito em Santa Inês.As opiniões dos vereadores se divergem, com a situação esperando o último prazo ainda no afã de ter Ribamar Alves como prefeito. A oposição já dá o caso como fato consumado e espera a hora de empossar Dino Alves. O QUE DIZ A SITUAÇÃOFalando para a Imprensa local, tanto Orlando Mendes como Batista de Biné, da base de apoio ao longo do mandato do prefeito Ribamar Alves, são unânimes em preferir aguardar o prazo máximo. Eles alegam que vão acompanhar o que ficará decidido pelo Departamento Jurídico da Câmara Municipal. “Nosso jurídico estará analisando o pedido de afastamento impetrado pelos advogados do prefeito Ribamar Alves e nós iremos cumprir o que manda a Lei”, disse Orlando. O QUE ALEGA A OPOSIÇÃOEm nome da oposição, os vereadores Madeira de Melo, Creusa da Caixa e Akson Lopes defenderam o cumprimento da Constituição. Madeira de Melo disse que durante a sessão desta segunda-feira o presidente da Câmara, vereador Orlando Mendes, deverá assinar decreto legislativo declarando a vacância do cargo do prefeito Ribamar Alves para que o vice-prefeito assuma de imediato, tudo isso com base na Constituição Federal. “Lamentamos profundamente, mas temos que cumprir a Lei”, disse Madeira de Melo, que teve suas palavras corroboradas pela vereadora Creusa da Caixa.Já o vereador Akson Lopes ressalta que a Câmara Municipal estará fazendo o seu papel, que é cumprir o que diz a Constituição. Ele diz achar praticamente possível que o pedido de afastamento do prefeito seja aprovado. “A cidade de Santa Inês não pode ficar sem prefeito”, arremata Akson. ADVOGADO PERMANECE NO CASOSobre o boato que corre na cidade de que o advogado Ronaldo Ribeiro, que defende o prefeito Ribamar Alves, estaria de saída do caso, o AGORA obteve informação junto a assessores da Prefeitura de Santa Inês de que o fato é inverídico. Portanto, Ronaldo Ribeiro continua na causa e busca meios de salvar o mandato de seu cliente (Da Redação)

Postado por: Redação Agora

Categoria do Post: Politica

Data: 12/02/2016

Visitas: 1241

Palavras-chave: Ribamar Alves permanece prefeito pelo menos até esta segunda (15) quando Dino deve assumir o omando do município

Fonte: Redação

Big Systems
7396848 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 24 do mês 09 de 2020