• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - DOAÇÃO DE LIVROS PRÁXIS INCLUSIVA FEITA AO POLO UAB DE SANTA INÊS FOI MOTIVADORA

DOAÇÃO DE LIVROS PRÁXIS INCLUSIVA FEITA AO POLO UAB DE SANTA INÊS FOI MOTIVADORA

Aconteceu na manhã da última quinta-feira dia 23/07 a doação de livros com o tema Práxis Inclusiva: reflexões sobre a inclusão escolar à Biblioteca “Gonçalves Dias” do Polo UAB de Santa Inês. Participaram desse momento, a organizadora do livro: Eriveth Silva Teixeira; o Coordenador do Polo UAB de Santa Inês: João Batista Gonzaga Pereira; o ex Coordenador: professor David Morais e a equipe de trabalho do aludido Polo.

Vale dizer que foi um momento para celebrar a chegada dos primeiros livros, bem como, registrar que brevemente será lançado em vários espaços e locais tanto pela organizadora quanto pelos(as) diversos(as) autores(as).

Uma síntese do livro Práxis Inclusiva pela organizadora Eriveth Teixeira: “O livro Práxis Inclusiva: reflexões sobre a inclusão escolar, coleciona 16 obras com reflexões sobre a inclusão de pessoas com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação, dentro e fora do contexto escolar.

Idealizar a organização desta coletânea foi um presente de Deus que foi abraçado por profissionais de educação que tiveram formação no curso de Pós-Graduação Lato Sensu, ofertado pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) – Campus Santa Inês, no âmbito da Universidade Aberta do Brasil (UAB) – Polo Santa Inês, responsáveis por ampliar a oferta de formação inicial e continuada por meio da modalidade a Distância.

Quando estive professora orientadora de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) de estudantes da turma de Pós-Graduação Lato Sensu em Educação Especial/Educação Inclusiva (EEEI) da UEMA/UAB de Santa Inês, que tive a honra de conduzir as orientações com abordagens sobre a inclusão escolar, percebi a importância de compartilhar os conhecimentos que foram produzidos por esses estudantes durante o processo de ensino-aprendizagem no momento de orientação.

O produto final da orientação não poderia ficar engavetado, ou com utilidades somente para quem o fez, eu pensava em algo que pudesse ultrapassar às barreiras e de certa forma, contribuir com profissionais de diversas áreas e familiares de estudantes da EEEI. As produções tinham teor significativo para publicação, os quais poderiam ser utilizados como apoio aos docentes e aos demais interessados em compreender a dinâmica que poderia ser utilizada no contexto educacional e social, aprofundando a discursão em recursos e serviços de acessibilidade, capaz de eliminar as barreiras existentes e promover atividades de inclusão.

Assim, iniciamos a caminhada que também foi possível agregar estudantes de mestrado e pesquisadores de outras instituições. Em cada obra produzida pelas autoras e pelos autores os conteúdos são apresentados com embasamento teórico-prático que refletem a prática com personificações em abordagens adotadas por cada autora e autor de forma individual e colaborativa, nessa perspectiva, eu que já venho trabalhando com a formação continuada de professores, por compreender que o conhecimento, quanto mais adquirimos mais somos envolvidos na instigante necessidade de contínua aprendizagem para atualização constante e permanência no mercado de trabalho com oferta de produtos diferenciados.

Além da organização desse livro também contribuo com a obra referente a prática docente e o atendimento educacional especializado aos estudantes com altas habilidades/superdotação, contextualizando com as produções do livro, legitimando as narrativas advindas da vivência, a área de pesquisa, os estudos as reflexões das autoras e autores, e as inquietações que conduziram ao estudo teórico-prático de levantamento bibliográfico, observações e pesquisas peculiares resultantes e relevantes para a compreensão de inclusão, acessibilidade nos espaços públicos e contexto escolar como a rotina diária em Sala de Recursos Multifuncionais (SRM), no Atendimento Educacional Especializado (AEE), em sala de aula comum de ensino regular, dentre outros.

Agradeço a cada autora e autor que se dispuseram a contribuir com essa coletânea e com o contexto sócio-histórico de educação antes excludente e hoje ao acesso de todos por meio de leis, decretos e resoluções da política de inclusão, assegurando a garantia do acesso e a permanecia de todas e todos no sistema educacional com viés que transitam todos os níveis, etapas e modalidades de ensino como garantia de uma educação de qualidade.

Desejo a vocês, caros(as) leitores(as), que desfrutem cada obra deste livro e conheça por meio da percepção de cada autora e autor, a importância de trazer para a discussão temas com assuntos relevantes ao cenário atual da Educação Inclusiva e da prática docente que deseja planejar, organizar e cumprir suas incumbências estabelecidas pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN), Lei de nº. 9.394 / 1996. Espero, ainda, que a leitura possa fomentar nos leitores a busca por conhecimentos que tornem suas práticas profissionais cada vez mais inclusiva e focada na peça central do processo de ensino-aprendizagem que é o estudante.

Deixo a ratificação do desejo de uma leitura atenta das obras e que elas possam somar de forma significativa, contribuindo para construção da leitura crítica de leitores ativos, aberto às mudanças e que lida com as diferenças práxis com ações inclusiva, educação de qualidade, gratuita e ao alcance de todos.

Gratidão àqueles que protagonizaram as obras partilhadas.

 

Postado por: Paulo Silveira

Categoria do Post: A-Cidade

Data: 25/07/2020

Visitas: 751

Palavras-chave:

Fonte:

Big Systems
8005468 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 01 do mês 12 de 2020