• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - INFLAÇÃO - A CULPA É DOS MAIS POBRES

INFLAÇÃO - A CULPA É DOS MAIS POBRES

Por Décimo P. Juvenal

Esta semana assistindo e lendo os noticiários, percebi que os tecnocratas e analistas de plantão, pró e contra o governo, explicaram a causa dos aumentos relacionados aos produtos da cesta básica e dos materiais de construção.

Descobri que nada sei. Fiquei extremamente desgostoso com a minha incapacidade de analisar assuntos tão recorrentes, já vistos e explicados ao longo de muitas décadas de vida. Pensei que já tinha visto este filme.

Estas sumidades explicaram, que o adjutório de R$ 600,00, oferecido aos “mais pobres” e a exportação de alimentos aos países mais ricos, que podem pagar mais que nossos pobres e remediados cidadãos, são as causas destas altas de preços e por conseguinte a alta da inflação.

Tinha certeza que é da competência dos governos, produzirem levantamentos da produção e estoque de alimentos para abastecerem suas populações. Imaginava que ao serem verificados os desequilíbrios poderiam, com a devida antecedência, tomar as medidas necessárias, para evitar o desequilíbrio entre oferta e demanda.

Pensei que desonerar o imposto de importação era ineficaz para manter, a curto e médio prazo, o equilíbrio entre oferta e procura, já que os produtos precisam ser comprados, o câmbio fechado, embarcados, desembarcados, fiscalizados pelo fisco aduaneiro e pelo SIF, novamente embarcados para depois serem descarregados nos centros de distribuição dos atacadistas para poderem ser distribuídos, nesse trajeto novamente serem fiscalizados pelos fiscos estaduais, para então serem colocados nas prateleiras dos comércios de varejo. Ufa!! Cansei....

Como estamos com um governo que tem uma “nova forma de governar”, talvez, “isso daí”, seja feito com grande rapidez, eficiência e sem nenhuma burocracia. Vamos confiar nos Ministérios comandados pelo Dr. Guedes e pela Dra. Teresa Cristina, capitaneados por Vossa Excelência.

Afinal se “tudo isso daí” não der certo, talvez Vossa Excelência, apele para os mais pobres e todos aqueles que tem espírito cívico, pedindo que façam sacrifícios, pelo bem do nosso amado Brasil, já que os produtores rurais e donos de supermercados não estão dispostos ou não podem fazê-lo, pedindo para todos que: “Não comam” e “Não construam”, afinal os R$ 600,00 já foram ou estão sendo gastos, mas os R$ 300,00 devem ser poupados para que não haja inflação.

Pessoalmente, peço a colaboração de todos que apoiam incondicionalmente o atual governo. Façam jejum, será bom para o país, para Vossa Excelência e para silhueta de todos que aderirem a causa.

Como não estou construindo, darei minha parcela de contribuição para o Brasil, iniciarei um jejum pelo bem do meu amado país.

Por favor, ajudem. Vamos colaborar.

Caso não dê certo, resta ainda a “caneta Bic”.

Mas, pelo amor de Deus, não vamos deixar que Vossa Excelência, como “último e/ou único recurso”, lance mão da sua “caneta Bic”, impossível sabermos o que irá acontecer.

 

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Entretenimento

Data: 16/09/2020

Visitas: 33

Palavras-chave: INFLAÇÃO - A CULPA É DOS MAIS POBRES

Fonte: Décimo P. Juvenal

Big Systems
7393061 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 23 do mês 09 de 2020