• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - NÚMEROS DA COVID DE ONTEM (DOMINGO) EM SANTA INÊS, REPETEM OS NÚMEROS DE SABADO (9)

NÚMEROS DA COVID DE ONTEM (DOMINGO) EM SANTA INÊS, REPETEM OS NÚMEROS DE SABADO (9)

No Boletim Epidemiológico do dia 10/01/21, foram divulgados 5.563 casos confirmados, 89 óbitos e 13.413 casos notificados em Santa Inês/MA.

              Um fato intrigante, que contraria a lógica e a razão, merece um estudo acadêmico nos números da Covid divulgados em Santa Inês. A partir de 27/04/2020 os boletins epidemiológicos em Santa Inês tiveram divulgação diária e ininterrupta. Durante os 249 dias de divulgação dos boletins na gestão da Prefeita Vianey, em apenas três dias (19/08, 24/08 e 22/10/2020 - todos dias úteis), não ocorreram nenhum caso confirmado de Covid. Curiosamente, em apenas 10 dias da gestão do Prefeito Felipe, também foram três dias (01/01, 03/01 e 10/01 – todos dias não úteis) em que ocorreram a divulgação de nenhum caso confirmado de Covid. Isso depois da folia das compras de final de ano e das aglomerações das festividades de Natal e Ano Novo. Como explicar este fato?      

              O ranking dos casos confirmados por faixa etária, levando-se em conta os percentuais de crescimento nos últimos sete dias em Santa Inês, é o seguinte: Em primeiríssimo lugar estão os jovens na faixa etária entre 20 a 29 anos, com 19 casos e crescimento de 2,2196%; ostentando o segundo lugar no pódio estão os senhores na faixa etária entre 40 a 49 anos, com 16 casos e crescimento de 1,5267%; em terceiro lugar no pódio estão os jovens na faixa etária entre 30 a 39 anos, com 17 casos e crescimento de 1,4978%. Sinceramente não sei mais quem está transmitindo para quem. Parece que agora são muitos os teimosos e descrentes, que ávidos pelas aglomerações, desrespeitam os protocolos sanitários, se colocando em risco e egoisticamente não preservam a saúde e vida daqueles que deveriam proteger e amar.

              Com a divulgação de nenhum caso confirmado ou notificado no último boletim, a variação dos números acumulados dos últimos sete dias, apresentam uma insignificante queda nos casos notificados e estabilidade nos casos confirmados. Os números divulgados nos últimos dias prenunciam, que a tão esperada curva descendente possa não ocorrer, mesmo que as médias de hoje, ainda estão sendo influenciadas pelos baixos números divulgados no final de semana prolongado.

              Com os números acumulados dos últimos sete dias, achamos a média de 11,00 casos confirmados/dia e de 35,43 casos notificados/dia. Verificamos uma pequena queda na média dos casos notificados e permanece igual a média dos casos confirmados, em relação aos números do dia anterior. Com a estabilidade dos últimos dias, parece que haverá uma inversão da tendência de queda, visto que, as médias ainda estão altas, tanto nos casos notificados, quanto nos casos confirmados.

              Espero que a queda dos casos volte a acontecer nos próximos dias para que os serviços de saúde fiquem mais tranquilos.

              Nos últimos sete dias tivemos 248 casos notificados e 77 casos confirmados, fato que não ocorria desde o período entre 16 a 22/07/2020 (com 250 casos notificados) e 19 a 25/07/2020 (com 78 casos confirmados), respectivamente, excetuando os números acumulados verificados a partir de 13/11/2020, data que reiniciaram os aumentos dos casos.

              Quanto aos números acumulados dos casos notificados, ainda devemos ficar atentos para os próximos dias com a possível confirmação de novos casos, visto que, temos a média de 39,40 casos notificados/dia na última quinzena e como já observamos, estes têm relação direta com os números de casos confirmados das próximas semanas, hoje temos a média de 11,47 casos confirmados/dia na última quinzena e verificamos a relação de 29,10% de positivação em relação as notificações, ao olharmos para os números absolutos este índice é de 41,47%.

              A queda só poderá ser confirmada, se a curva dos casos notificados e confirmados voltar a ser descendente e contínua, para que isso aconteça é necessário a conscientização de que cada um de nós deve fazer sua parte.

              Cuidem-se, atendam os protocolos e recomendações das autoridades de saúde.

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: A-Cidade

Data: 11/01/2021

Visitas: 93

Palavras-chave: NÚMEROS DA COVID DE ONTEM (DOMINGO) EM SANTA INÊS, REPETEM OS NÚMEROS DE SABADO (9)

Fonte:

Big Systems
8431902 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 26 do mês 01 de 2021