• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - SOCIEDADE CIVIL DEVE CRIAR GABINETE DE CRISE EM SANTA INÊS: JÁ ESTÁ PASSANDO DA HORA

SOCIEDADE CIVIL DEVE CRIAR GABINETE DE CRISE EM SANTA INÊS: JÁ ESTÁ PASSANDO DA HORA

A iniciativa de criar algo assim, não é do AGORA, mas parte de autoridades de outros setores

 

Já está passando da hora! Mas, nos bastidores já se ouve dizer,  que já há uma movimentação para a criação de um Gabinete de Crise, ou a reativação do Fórum da Sociedade Civil de Santa Inês, ou outro nome que se queira dar, mas que tenha os olhos e todo objetivo voltado para os problemas gerais que a população de Santa Inês vem enfrentando. Não se trata de fazer oposição ao gestor municipal, muito embora alguns possam ver isso como tal, mas pelo contrário, trata-se de acompanhar par e passo os males que assolam à população e lutar para que eles sejam ao menos minimizados. Isso é comum em vários municípios, principalmente em tempos de crise e mais ainda com uma pandemia em andamento que tem tirado a vida de dezenas de pessoas em Santa Inês (119 óbitos, 30 só este ano) e se aproxima de 7 mil contaminados com a coivid19.

PUBLICIDADE

AÇÕES NECESSÁRIAS

Esse “gabinete” que terá o comando da Sociedade Civil, é formado por autoridades do Judiciário, do MP, da OAB, e de representantes  de instituições que por ventura serão convidas, caso aceitem, tais  como Associação Comercial, CDL, Lions, Maçonaria, Câmara de Vereadores,  da própria Prefeitura, da Secretaria de Saúde, de clubes e sindicatos, da igreja católica e evangélica da Imprensa, do setor de segurança, polícias Civil, Militar e Guarda Municipal, e outros. O que não se pode é ficar de braços cruzados assistindo a tudo que está acontecendo em Santa Inês, sem que se tome uma inciativa que ao final, tem como objetivo maior, como são os fóruns da sociedade civil em tempos de crises em vários cidades,  orientar, auxiliar e acompanhar de perto o que vai sendo desenvolvido no município de Santa Inês. Alguém pode até alegar que para isso já existe o Ministério Público e a Câmara Municipal. No caso do Ministério Público, este não se incomoda com a criação de tal instituição e até faria parte do mesmo, como é em Imperatriz, por exemplo. Quanto a Câmara,  é importante que esta tenha a devida liberdade de acompanhar, fiscalizar e debater os problemas do município, pois são 17 vozes que não devem se calar neste momento de crise pelo qual passa  Santa Inês.

O AGORA

Esse “gabinete de crise”, ou coisa que o valha, apesar de ser há muito tempo (desde o ano passado) uma sugestão deste periódico, no atual momento não somos nós que encabeçamos este movimento, e nem mesmo fomos convidados oficialmente, mas parte de autoridades de reputação ilibada, as quais não temos ainda autorização para publicação de seus nomes. Todavia, se depender do apoio da Imprensa, e aqui falamos pelo Sistema Agora de Comunicação, terá todo nosso apoio. Muita coisa precisa ser feita para tornar a população segura; filas quilométricas como a de hoje nos arredores da Caixa, atraso na aplicação de vacinas, e tantas outras denúncias tem que ser ao menos “observadas” por uma terceira via. E isso não se trata de nenhuma ilegalidade, mas de zelar pala população e pelo munícipio. Chega!! 30 óbitos em menos de 3 meses por covid19, só o que consta nos BE da Secretaria de Saúde, e outras mazelas!!! . (Da Editoria do AGORA).    

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: A-Cidade

Data: 29/03/2021

Visitas: 153

Palavras-chave: SOCIEDADE CIVIL DEVE CRIAR GABINETE DE CRISE EM SANTA INÊS: JÁ ESTÁ PASSANDO DA HORA

Fonte: Da Editoria do AGORA

Big Systems
8870384 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 11 do mês 04 de 2021