Agora Santa Inês - PÁGINA FÉ

PÁGINA FÉ

Saiba quais alimentos evitar para prevenir as doenças como hipertensão, insuficiência cardíaca e osteoporose.

Quem chama Mãe de Deus a Maria, confessa que o Seu Filho é Deus. Maria não deu à luz simplesmente um ser humano, que após o nascimento se tivesse "tornado" Deus; o seu Filho era, já no seu ventre, o verdadeiro Filho de Deus, pois Jesus Cristo é verdadeiro Deus e verdadeiro homem.

 

Jesus é Deus. Ele não é o Pai nem o Espírito Santo, mas Ele é Deus com o Pai e o Espírito Santo. Nosso Deus é Um, em Três Pessoas divinas, por isso chamamos de "Santíssima Trindade".

 

Jesus existe desde sempre com Deus e em Deus. Ele foi verdadeiramente gerado como ser humano na plenitude dos tempos no ventre de Maria, Sua Mãe Imaculada, mas Ele não deixou de ser Deus, por isso a Igreja declara que Jesus Cristo é verdadeiramente Deus e verdadeiramente homem. Por isso chamamos a Maria de Mãe de Deus, Ela não é Mãe de Deus Pai, nem Mãe do Espírito Santo. Mas Ela é Mãe de Jesus Cristo, que mesmo se tornando homem não deixou de ser Deus. Ela não engravidou de um ser que quando nasceu Se tornou Deus. Jesus no ventre de Maria continuava a ser Deus, mas também Ele Se tornaria homem.

 

Jesus estava presente na Criação do mundo e por Ele todas as coisas foram feitas, como afirma São Paulo Apostolo: "pois nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as visíveis e as invisíveis, todas as coisas foram criadas por ele e para ele. Ele é antes de todas as coisas, e nele tudo subsiste" (Cl 1,15)

 

Jesus Cristo é a Palavra, o Verbo de Deus, pelo qual tudo foi criado (Jo 1,1-3). Lemos em Gênesis: "Deus disse: “Façamos o ser humano à nossa imagem e segundo nossa semelhança" (Gn 1,26). Deus não pode estar falando "façamos" sozinho. Ali já estava o Pai, o Filho e o Espírito Santo.

 

Maria foi mais do que um instrumento passivo de Deus. Foi mediante o seu ativo consentimento que Deus Se tornou homem. A redenção da humanidade de Cristo começa, portanto, com uma interpelação de Deus, ou seja, o consentimento livre de uma pessoa humana. Por estes caminhos Maria tornou-se, para nós, a "porta da salvação".

 

Postado por: Redação do Agora

Categoria do Post: Entretenimento

Data: 03/08/2022

Visitas: 21

Palavras-chave: PÁGINA FÉ

Fonte:

Big Systems
11529498 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 18 do mês 08 de 2022