• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - Portela diz que Ribamar Alves “cometeu novo crime” ao chamar prisão de circo

Portela diz que Ribamar Alves “cometeu novo crime” ao chamar prisão de circo

O secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela (PCdoB), reagiu na quinta-feira(9) às recentes declarações do prefeito de Santa Inês, Ribamar Alves (PSB), contra a ação que culminou com sua prisão por estupro. Em recente entrevista à Rádio Mirante AM, o socialista disse que foi vítima de um “circo” armado pelo próprio governo Flávio Dino (PCdoB). Questionado sobre o assunto na Assembleia Legislativa – onde esteve para uma homenagem ao comandante-geral da Polícia Militar -, Portela disse que Alves “cometeu um novo crime” ao atacar os policiais que o investigaram e prenderam e que ele deve responder judicialmente por isso.“Ele [Ribamar Alves] cometeu um novo crime ao injuriar os policiais e responderá por isso. Ele foi autuado em flagrante por estupro. Eu pergunto: quem armou circo? Quem foi que colocou a moça no carro dele? Tinha algum policia colocando a moça no carro? Tinha algum policial dirigindo o carro dele para entrar no motel? Tinha algum policial que tirou a roupa da moça? Não. O ato, segundo ela, e segundo o procedimento, praticado por ele. Então, é fácil querer se esconder atrás dos seus atos e atribuir responsabilidade aos outros”, declarou o secretário.O titular da SSP argumentou que o prefeito deve focar sua defesa em argumentos jurídicos e não na desconstrução do trabalho policial.“Há um processo judicial em relação a ele. Então daqui a pouco ele vai dizer que o Judiciário é um circo? Daqui a pouco, se ele for condenado e recorrer, ele vai dizer que a instância superior é um circo? Ele tem é que fazer a sua defesa jurídica, responder pelos seus atos e não tentar atribuir responsabilidade a ninguém. Isso é uma conduta posterior grave dele, ao praticar mais um crime contra as autoridades que o investigaram”, ressaltou. Ainda de acordo com Portela, o delegado que conduziu o inquérito, Raphael Reis (na foto ao lado com o prefeito), pode, se quiser, acionar Ribamar Alves na Justiça. Ele acrescentou, contudo, que “o Estado exige um comunicado aos órgãosque são reguladores do Direito, da aplicação do Direito no país, sobre isso”. (Doblog  do  Gilberto Leda)

Postado por: Redação Agora

Categoria do Post: Regional

Data: 11/06/2016

Visitas: 624

Palavras-chave: Portela diz que Ribamar Alves “cometeu novo crime” ao chamar prisão de circo

Fonte: Redação Agora

Big Systems
6163989 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 08 do mês 04 de 2020