• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - COLUNA DO SILVEIRA 1333

COLUNA DO SILVEIRA 1333

“Não existe tribulação na vida, que não possa ser aliviada diante da intercessão da Virgem Maria junto a Jesus. Se, se alcança o Pai através do Filho, também é verdade que se alcança o Filho através da Mãe”. Do Livro Gotas de Reflexão Espiritual parte II de autoria de Clélio Silveira Filho.

 

Olá, bom dia! Hoje são 8 de agosto (mês oito do ano) de 2018, e já estamos circulando com nossa terceira edição do mês. Graças a Deus! De agora em diante, como o leitor poderá perceber, com conteúdo maior, ou crescente, sobre o que diz respeito às campanhas eleitorais que tem por objetivo eleger em 7 de outubro, presidente da República, governadores, senadores, deputados federais e estaduais. E a gente aqui, talqualmente (com críticas e tudo) a Globo, chama à atenção do eleitor para a responsabilidade do voto. É o voto de milhões de brasileiros que fazem o país ou um estado andar, ou parar no meio do caminho. Muita gente acha que é só votar no candidato a presidente e está tudo resolvido. Ou no candidato a governador, e está tudo resolvido. Não está. Nenhum desses dois personagens do poder governa sozinho. Os dois, e principalmente o presidente da República, depende do Congresso Nacional onde estão os senadores e os deputados federais que mandam e desmandam nas leis. Um exemplo: o candidato a presidente A, ou B, que diz que vai fazer isso ou aquilo se, se eleger, está blefando. Não se muda as leis, a Constituição, sem que tudo passe pela votação no Congresso. Vivemos numa democracia e não numa ditadura, logo nenhum político que se eleja presidente, vai poder no dia seguinte virar o país de ponta cabeça. Só se for pelas armas. E pelas armas não é democracia. Não estamos defendendo o que está aí. Longe disso. O Brasil está ingovernável, o que é certo está errado e o que é errado é que está certo. Não se respeita nada e o país está cheio de políticos corruptos e grandes conglomerados empresariais cheios de corruptores, nem na Justiça se acredita mais como já se acreditou. Mas, o caminho para tentar arrumar isso que está aí, que é um nojo! ainda é o voto. É pelo voto que se muda o poder no Brasil. A outra forma é mais dolorida e pode custar muitas vidas. O voto é a grande “sacada” para salvar o Brasil. Voltaremos ao assunto. Aliás, dele não sairemos, somos um veículo de comunicação político. Esta é a edição 1.333 do seu Jornal AGORA Santa Inês, cujo conteúdo vai estar no site www.agorasantaines.com.br até às 10 da manhã de desta quarta-feira.  Esperamos que todos tenham um bom dia, e que Deus em sua infinita bondade nos dê luz, discernimento, fé e nos abençoe a todos. Amém! 

 

DE CAPITÃO PARA CAPITÃO

Lembram do capitão Roberto, que passou por Santa Inês, pela 2ª CIA da Polícia Militar no começo da década passada?  Inclusive fazendo um grande trabalho aqui na cidade? Agora é ele é tenente-coronel e é o candidato a vice-governador da candidata Maura Jorge, apoiada pelo capitão Bolsonaro. Veja na foto se você lembra  dele.

 

QUEM SÃO ELES?

Nesta edição nas páginas mais diversas, especialmente na 2 e 3, o leitor vai poder conhecer (se não mudar, vez que na política as coisas mudam de hora em hora) quem são os 13 candidatos a presidente da República, inclusive com detalhes sobre sete deles, e quem são os seis candidatos ao governo do Maranhão. Não custa nada parar um pouco, escolher um horário com tempo e fazer uma leitura completa das matérias. É importante saber em quem vai votar. Nada de dizer que não quer saber de política, que isso não lhe diz respeito e coisa e tal. Diz sim, e muito! O que vivemos hoje é resultado do que votamos no passado. Repito pela “enésima” vez; vivemos em um país onde se muda o poder pelo voto. Se você vender o seu, não reclame depois. Se você acha que não tem nada  a ver com isso, não reclame depois.

 

LEI DA FICHA LIMPA

No Brasil existe um “artigo”  político chamado de Lei da Ficha Limpa, que é taxativo e é lei: político ficha suja, que está preso, foi preso, condenado e outras traquinagens, não pode ser candidato a nada. É inelegível. A Lei da Ficha Limpa não foi feita só para 99% dos políticos que estão “sujos”. Então a que se deve a intenção de querer se mudar a lei para beneficiar apenas um? Para o bom entendedor, um parágrafo basta.

 

SÓ PARA LEMBRAR

A Lei da Ficha Limpa, para quem não sabe, tem suas origens em Santa Inês, ou pelo menos um pouquinho de sua essência aqui. É que o principal autor da Lei da Ficha Limpa, muito embora se queira ignorar por aqui, morou e estudou em Santa Inês em escolas como a Padre Chagas, a Pedro Neiva de Santana, etc. Trata-se do ex-juiz Márlon Reis, cujos pais vieram para cá no começo da década de 80. Ele, jovem, adolescente, morou alguns anos na cidade. Quem sabe não foi vendo o que via por aqui, que o ajudou a elaborar a famosa Lei da Ficha Limpa? Algum resquício de Santa Inês? Quem sabe.

 

 

SOUSA NETO

O deputado estadual e pré-candidato à reeleição, Sousa Neto, segue sendo o nome mais lembrado – eu disse lembrado – nos bastidores para o cargo. Na verdade foi sempre o nome que se ouviu por aqui ao falar-se em deputado estadual nos últimos quatro anos. É natural que continue sendo o nome dele, o mais conhecido e lembrado.

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Coluna-do-Silveira

Data: 08/08/2018

Visitas: 523

Palavras-chave: COLUNA DO SILVEIRA 1333

Fonte:

Big Systems
4409270 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 20 do mês 04 de 2019