• Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - COLUNA DO SILVEIRA 1368

COLUNA DO SILVEIRA 1368

“A ALMA SE ALEGRA QUANDO O MOTIVO PARA TANTO É JESUS. E SE ENTRISTECE, SE NOSSA ANIMAÇÃO NÃO TEM NADA A VER COM ELE. A ALEGRIA VERDADEIRA É JESUS! SIMPLES ASSIM”. Clélio Silveira Filho.

 

Olá, bom dia! Cá estamos nós outra vez, de novo, novamente (arre!) com mais uma edição impressa, online e na versão PDF do Jornal AGORA Santa Inês, que circula nesta quarta-feira, dia 12 de dezembro de 2018, caminhando aí para o finalzinho do ano, um dos mais “barulhentos” das últimas duas décadas. E as coisas andam tão esquisitas aqui pelo Brasil, que  um fato novo ou mais, que impacta-nos a cada dia. Ora, o aumento do ICMS no Maranhão é algo doméstico, mas não deixa de ser preocupante. A nível nacional, já vínhamos convivendo com denúncias contra o motorista e segurança do filho do presidente eleito, Jair Bolsonaro, coisa sem explicação “plausível” até o presente momento. Também tentamos digerir as centenas de denúncias de mulheres que teriam sido abusadas pelo médium mundialmente conhecido, mas morador de Abadiânia, Goiás, João de Deus. Coisa “cabulosa” e que causou movimentação em todos os estados do Brasil e até lá fora, vez que as denunciantes “pipocaram” de todas as partes. E para fechar o dia ontem, um episódio que tem mais a ver com a Europa, os Estados Unidos, etc. Foi o caso do homem que invadiu a Catedral Metropolitana de Campinas, São Paulo, matando quatro pessoas e se suicidando no altar da catedral. O que isso meu Deus! Como isso veio acontecer logo no Brasil? Não que aqui se viva uma tranquilidade “filandeza”, bem longe disso, às vezes temos a impressão que vivemos o prenúncio de uma guerra civil em alguns estados, mas, daí a alguém invadir uma igreja e sair matando quem estiver pela frente, é novidade triste por aqui. E cá no Maranhão, ontem foi o dia de a Polícia Civil prender quatro envolvidos no assassinato do ex-prefeito de Davinópolis-MA, fato que aconteceu no dia 11 de novembro passado. Exatos 30 dias depois, a polícia prende quatro dos envolvidos, repito, sendo que dois deles são policiais militares, um do Maranhão e outro do Pará. Quanto ao crime, depois das prisões de ontem, nem precisa ser “detetive” para vislumbrar que o crime foi encomendado e executado, portanto, sua morte interessava a alguém. Quem? Acho que não demoraremos muito para saber. Bom, eu estou resumindo tudo aqui neste parágrafo de abertura por que sei que não vai me sobrar espaço mais adiante, uma vez que estamos fazendo um esforço tremendo para acolhermos o máximo de matérias possíveis em nossas páginas. Daí que é com muito prazer que divido essa página com vários colaboradores e/ ou matérias de relevância para nossos milhares de leitores. E pra fechar, quero desejar a todos, que tenham um grande e maravilhoso e abençoado dia, que Jesus Cristo que já nasceu em nós desde a nossa concepção, venha renascer todo dia em nossas vidas e que Deus em sua infinita misericórdia nos perdoe as bobagens e asneiras que cometemos no dia a dia, às vezes até sem perceber. Amém!

VIROU MODA NO MARANHÃO 

Bandidos fortemente armados invadiram na noite de domingo (9) a cidade de Arame, a 476 km de São Luís, fizeram moradores reféns e roubaram a agência do Bradesco. Segundo as informações, os bandidos fecharam principais as ruas que dão acesso à entrada da cidade e começaram a atirar. Durante o percurso até o banco, os criminosos pegaram alguns moradores como reféns e os fizeram como escudo.

Os bandidos explodiram o banco, atearam fogo na delegacia de Arame e após realizar o assalto eles fugiram com alguns moradores, que foram liberados horas depois. Os bandidos fugiram sem deixar pistas.

(Do G1 Maranhão)

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: Coluna-do-Silveira

Data: 12/12/2018

Visitas: 255

Palavras-chave: COLUNA DO SILVEIRA 1368

Fonte:

Big Systems
4129250 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 18 do mês 01 de 2019