• Agora Santa Inês - camp
  • Agora Santa Inês - camp
  • Agora Santa Inês -
  • Agora Santa Inês -
Agora Santa Inês - O AGORA QUESTIONA O MUNICÍPIO DE SANTA INÊS SOBRE VÁRIOS ASSUNTOS E TRAZ EM PRIMEIRA MÃO RESPOSTAS OFICIAIS PARA ELES

O AGORA QUESTIONA O MUNICÍPIO DE SANTA INÊS SOBRE VÁRIOS ASSUNTOS E TRAZ EM PRIMEIRA MÃO RESPOSTAS OFICIAIS PARA ELES

Mudanças em secretaria e Departamento de Comunicação da Prefeitura de Santa Inês, vacinação de

bancários, altos números de mortalidade, contaminados e internados, entre outros assuntos O jornalista e consultor de Comunicação, Pepero Caldas, ainda não havia completado 48 horas no cargo de diretor do agora Departamento Municipal de Comunicação do município de Santa Inês, em substituição a Vagner Silva, quando ontem, TERÇA-FEIRA (8) por volta das 11 d manhã, recebeu um questionário contendo oito (8) perguntas feitas pela Editoria de Política do AGORA sobre as mais variadas agendas da atual administração municipal, abrangendo várias secretarias.  Pepero Caldas - muito embora o AGORA veja nas respostas do DECOM alguns dados que podem ser novamente questionados – tirou de letra essa primeira pauta com o AGORA, e dentro do prazo combinado encaminhou todas as respostas que segundo seu departamento, respondem às perguntas feitas pelo AGORA.

Para quem não sabe, o município de Santa Inês é um dos poucos do Maranhão cuja vacinação – dados concretos – demonstram que está bastante atrasada, pois já há municípios vacinando pessoas sem morbidade ou categoria de determinada profissão até abaixo de 40 anos, enquanto Santa Inês agora é que baixou de 60 para 59 anos para o público que não faz parte do PIN. Pindaré aqui do lado, desde ontem vacina todas as pessoas de 55 anos. Em Lago da Pedra a prefeita Maura Jorge mandou vacinar todo mundo, basta que tenha de 18 anos para cima: “Comunico que, a partir desta terça-feira (8) fica autorizada, em Lago da Pedra, a vacinação de toda a população com 18 anos ou mais contra a Covid-19. Como prefeita, diante do atual cenário e da responsabilidade que sempre norteou minha vida pública, entendo que se faz urgente a vacinação de toda a nossa população adulta. Mais que pioneirismo no Maranhão, é compromissos com a vida e responsabilidade com a nossa gente!”, discursou ela. Voltando para cá; sobre se o município teria tomado providências com relação a denúncia do Sindicato dos Bancários, a respeito de funcionários com covid trabalhando agência do BNB de Santa Inês, o DECOM não listou nenhuma providência, mas afirmou que os bancários de Santa Inês estão na relação a serem vacinados com a próxima remessa de vacina que o município receber.

Pepero negou que a secretária de Indústria, Comércio e Turismo Andrea Sales tenha deixado a secretaria, e confirmou a saída do cargo de secretário de Assuntos Políticos de Bruno Garrilho, e a nomeação de Vagner Silva – a quem substituiu – no lugar de Garrilho. Sobre o que a prefeitura pretende fazer para barrar o crescimento absurdo de mortalidade, contaminação, casos ativos e internados – lembrando que até ontem 8 de junho os números da covid19 em Santa Inês eram -  Pepero Caldas disse que a  gestão Tempo de Crescer,  tem tomado todas as providências para barrar a proliferação da Covid-19, citou algumas providências dentre elas a de que o município “aumentou três vezes o número de leitos da enfermaria para Covid-19 no hospital municipal provisório”. Sobre esse número restam questionamentos; se a Prefeitura aumentou por três vezes o número de leitos (se eram 11, depois foram 15, depois para 18, depois para 20, meros exemplos nossos) ou se aumentou em 3 vezes +, o número de leitos no Hospital Municipal Tomaz Martins, elevando de 11 leitos que foram deixados pela gestão anterior, para 44 leitos de enfermaria para covid19. Outros pormenores deixemos para outra oportunidade, e segue o nosso muito melhor obrigado para o estreante no cargo de diretor do Departamento de Comunicação da Prefeitura de Santa Inês, Pepero Caldas e seus auxiliares, e a íntegra do trabalho jornalístico desenvolvido neste formato pela primeira vez pelas partes; AGORA e DECOM:       

PERGUNTAS E RESPOSTAS   

AGORA - Que providências a Vigilância Sanitária e Secretarias tomaram diante da denúncia do Sindicato dos Bancários sobre a agência do BNB de Santa Inês?

DECOM - A vacinação dos bancários de Santa Inês já era intenção do Poder Público. Essa discussão não é de agora. Inclusive, o Prefeito, Felipe dos Pneus, recebeu projeto de lei do Legislativo sobre a obrigatoriedade da imunização à categoria. Se reuniu com a Secretaria de Saúde, Conselho Municipal de Saúde e demais autoridades como o Ministério Público. À época, o município ainda não tinha a autonomia para destinar vacinas a um determinado público ou baixar a faixa etária dos grupos prioritários. Como o número de doses de vacinas sempre foi insuficiente para os públicos-alvos, era inviável realizar a imunização dos bancários naquele período. Então, para que houvesse tempo hábil de planejamento e articulação junto à Secretaria de Estado da Saúde, o Prefeito por recomendação das autoridades ligadas à saúde e o MP, fez o veto da obrigatoriedade de imunização dos bancários.

Agora, após todo um planejamento, na próxima remessa de vacinas, os bancários serão incluídos no programa municipal de imunização. É um público que lida diariamente com centenas de pessoas e são essenciais para o desenvolvimento do nosso município.

AGORA - Quantas doses de vacinas foram entregues hoje (8) da D1 e da D2 pelo Governo do Estado ao município?

DECOM - Santa Inês recebeu nesta terça-feira, 8, 1.960 doses de vacinas D1, Astrazeneca e 282 Pfizer, totalizando: 2.042 para primeira dose. E 225 doses D2, da vacina Astrazeneca destinadas para quilombolas.  As doses Pfizer são destinadas para gestantes e puérperas. A vacinação será na Policlínica. As demais doses seguem destinadas aos públicos-alvos já preconizados pelo Ministério da Saúde e pessoas sem comorbidades a partir de 59 anos.

AGORA – Quando  foi que a empresária Andrea Sales deixou a Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo? E quem a substituiu?

DECOM - Desconhece-se essa informação. A Secretária Andreia Sales continua ativamente e de maneira muito competente à frente da pasta. Inclusive, está a frente da mobilização do lançamento Regional do Programa Cidade Empreendedora, que ocorre nesta sexta-feira, 11, às 9h da manhã no auditório da CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas de Santa Inês. Santa Inês e mais 6 municípios da região participarão deste lançamento. O Cidade Empreendedora é uma solução do Sebrae e ocorre, nesta ocasião, em parceria com o Governo do Estado e os municípios.

AGORA -  Fazemos a  mesma pergunta sobre o secretário de Assuntos Políticos.

DECOM - Como bem sabemos, nada na vida nasce pronto. Não poderia ser diferente com um governo. O primeiro Secretário de Articulação Política foi o empresário e Especialista em Marketing, Bruno Garrilho. Por motivos pessoais, ele pediu exoneração para cuidar de seus projetos em sua empresa, a BG 360. Entendemos e desejamos sucesso a ele, que fez excelente trabalho. Quem assumiu a pasta foi Vagner Silva, que tem bastante experiência em comunicação e marketing político. Antes, Vagner dirigia o Departamento de Comunicação da Prefeitura, que agora tem o Jornalista e Consultor de Comunicação, Pepero Caldas, como diretor.

AGORA - Idem na Comunicação?

DECOM - Questão respondida na pergunta anterior...

AGORA - Onde entregar a relação com os nomes dos trabalhadores dos órgãos de Comunicação. Se tem previsão para quando eles serão vacinados.

DECOM - A Secretaria de Saúde encaminhou oficio a todos os meios de comunicação de Santa Inês no dia 31 de maio, orientando e solicitando a documentação de comprovação de ofício, como: vínculo empregatício, função, data de nascimento, CPF, função e telefone. Essa relação deve ser encaminhada à Secretaria de Saúde. A vacinação dos profissionais será iniciada nesta quarta-feira, 9, na Escola Terezinha Lopes, das 8h às 17h. 

AGORA -  O Executivo pretende tomar alguma providência para conter o crescimento das mortes (7 só em Junho/ uma por dia/média) e de contaminação: 251 em 7 dias, 35,85/ média dia?

DECOM - A Gestão Tempo de Crescer tem tomado todas as providências para barrar a proliferação da Covid-19. Ações como emissão de Decretos com medidas restritivas e emergenciais, estabelecendo o funcionamento de estabelecimentos de serviços considerados não-essenciais; isolamento com barreiras sanitárias da Rua do Comércio; isolamento sanitário no entorno da Caixa Econômica e agora, instalação de barreiras sanitárias em todas as entradas da cidade. Também aumentou três vezes o número de leitos da enfermaria para Covid-19 no Hospital Municipal provisório. Portanto, como todos sabem, não basta apenas o poder público fazer sua parte, essa batalha exige a conscientização de todos. Porém, a gestão Felipe dos Pneus fez, está fazendo e continua  tomando todas as providências legais para conter o coronavírus em Santa Inês.

AGORA -  Onde estão internadas as 42 pessoas em tratamento hospitalar em Santa Inês, conforme BE de ontem, segunda 7.

DECOM - 21 delas estão internadas na enfermaria para covid-19 no hospital municipal provisório. O restante está no Hospital Macrorregional.

PUBLICIDADE

Postado por: Redação Agora 03

Categoria do Post: A-Cidade

Data: 10/06/2021

Visitas: 139

Palavras-chave: O AGORA QUESTIONA O MUNICÍPIO DE SANTA INÊS SOBRE VÁRIOS ASSUNTOS E TRAZ EM PRIMEIRA MÃO RESPOSTAS OFICIAIS PARA ELES

Fonte:

Big Systems
9389554 visitas no Portal www.agorasantaines.com.br hoje 20 do mês 06 de 2021